Saúde ocupacional: como promover ESG no trabalho pode ajudar?

Conheça os benefícios de integrar e promover ESG na sua empresa

ESG é uma sigla em inglês que significa “Environmental, Social and Governance” ou “Ambiental, Social e Governança”. Essas três grandes áreas nos ajudam a avaliar se uma empresa é sustentável a longo prazo e o quão responsável ela é em relação aos impactos que causa na natureza e na sociedade. 


O Fórum Econômico Mundial soou o alarme: as mudanças climáticas podem reduzir a economia global em até 19% até 2049. Para além disso, esse cenário exige atenção imediata e será amplamente abordado na Semana Mundial do Meio Ambiente, que vai ocorrer de 1 a 5 de junho no Reino da Arábia Saudita. Vamos então aprender mais sobre como esse assunto tão atual é importante para a qualidade de vida dos colaboradores?

Pilares do ESG – Como promover ESG?

Cada um dos pilares do ESG é fundamental para a construção e manutenção de empresas que estão de olho no futuro. Mas de que forma?

  • Ambiental: empresas que se esforçam para reduzir a poluição que produzem, buscam utilizar energia limpa e conservar recursos, minimizam o impacto que causam e fazem um melhor uso das riquezas e bens naturais.
  • Social: organizações que se preocupam com o bem-estar de seus colaboradores, clientes e comunidades sempre saem na frente. Tratar todos com respeito e evitar práticas discriminatórias é essencial.
  • Governança: empresas com boa gestão e que mantêm práticas transparentes, éticas e responsáveis criam um ambiente mais saudável e acolhedor para seus colaboradores. 

Considerando o contexto ambiental, que é cada vez mais desafiador, eventos climáticos extremos como as ondas de calor se configuram como uma séria ameaça à saúde pública. Para além disso, torna-se essencial compreender os impactos diretos que essas ondas de calor podem ocasionar no bem-estar das pessoas.

Como ondas de calor afetam a saúde?

Antes de mais nada, vamos entender melhor o que elas são: se caracterizam por períodos em que as temperaturas ficam muito altas e bastante fora da média, podendo durar muitos dias. Além disso, geralmente, elas vêm acompanhadas de uma baixa umidade, o que deixa o ar seco.

Elas podem ser muito perigosas para a saúde, e prejudicam especialmente crianças, idosos, gestantes e pessoas com doenças cardíacas, pulmonares, renais e diabetes. Podendo causar diferentes problemas, como:

01. Desidratação: a transpiração aumenta para regular a temperatura corporal, o que pode levar à perda de água e eletrólitos.

O que são eletrólitos?

Os eletrólitos são minerais dissolvidos em líquidos corporais, como sangue, suor e urina. Eles desempenham funções vitais no organismo, como contração muscular, garantia da hidratação adequada, regulação da pressão arterial e muitas outras.

02. Exaustão: é uma forma mais grave de desidratação, que pode causar náuseas, vômitos, cãibras musculares, confusão mental e perda de consciência.

03. Insolação: é a condição mais grave relacionada ao calor, caracterizada por um aumento rápido da temperatura corporal acima de 40°C, podendo levar a problemas de saúde ainda maiores.

04. Doenças respiratórias: o ar quente e seco pode irritar as vias respiratórias e piorar os sintomas de asma, bronquite e outras doenças.

05. Qualidade do sono: o calor excessivo dificulta o sono e pode prejudicar a qualidade de vida das pessoas, atrapalhando inclusive o rendimento no trabalho e a concentração.

Você já ouviu falar em estresse térmico?

O estresse térmico ocorre quando o corpo humano não consegue regular sua temperatura interna, pois as condições ambientais extremas de calor ou frio. Além disso, quando a temperatura ambiente está muito acima ou abaixo da temperatura corporal ideal (aproximadamente 37ºC), o corpo precisa trabalhar mais para se manter em equilíbrio.

Todos os anos, o calor extremo faz diversas vítimas em todo o mundo. Um estudo desenvolvido pela World Economic Forum estima que até 2050, mais de 14 milhões de pessoas morrerão em decorrência das mudanças climáticas no mundo, impactando ainda mais os custos dos sistemas de saúde, que deve aumentar em mais de 1 trilhão de dólares. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que entre 2030 e 2050, 250 mil mortes adicionais ocorrerão por causa do clima no planeta.

A Vital Work oferece a Campanha de Saúde Digital sobre diversos temas, entre eles Sustentabilidade.
A campanha contempla conteúdos exclusivos para conscientizar os colaboradores e suas lideranças.
Quer saber mais? Acesse aqui.

Benefícios em promover ESG

Empresas que se atentam aos principais objetivos de ESG conquistam resultados positivos antes que as situações se tornem problemas mais desafiadores de contornar. Entre os principais benefícios para as organizações, podemos citar:

  • Criam mais impacto positivo no mundo;
  • São mais resilientes a crises;
  • Atraem e retêm talentos;
  • Trabalham com inovação e eficiência operacional;
  • São mais competitivas e constroem uma reputação de credibilidade. 


Em suma, promover ESG é mais do que cumprir com objetivos. Ademais, é sobretudo uma prática mas gerar impacto na sociedade, no meio ambiente e nas futuras gerações. Como vimos, é importante que as empresas integrem ESG em suas operações e estratégias de negócios para garantir, então, um futuro sustentável e próspero para todos.

Mais de 70 soluções de saúde e bem-estar para sua empresa

Deixe seu contato e fique por dentro de nossas novidades exclusivas